23 outubro 2009

Capítulo 6O - Adeus meu coração;

E eis que temos mais um texto solto de Priick.

Eu me sinto tão forte, porém fraca. O que - ou quem - eu costumava ser, sumiu.
Eu quero de volta, toda a insensibilidade de antes.
Ela me mantinha segura, e eu não desejo ser tão transparente.
Eu costumava ser branca - tão como uma garota assustada.
Manter tudo escondido: a melhor opção.
Eu estou desistindo.
Adeus, meu coração.


E então, ela se encontrara apaixonada novamente. Não era o que ela desejava. Ou era?
Ela queria um momento de paz.
Porém, tudo o que a garota fazia era pensar nele. Tudo o que fazia, de algum modo relacionava a ele. Ele era sua prioridade em tudo.
Ela queria um pouco de paz, somente uma vez.

Fim do capítulo 6O;

6 notas de rodapé:

# Louis disse...

Aquele nosso coração é assim. ele bate forte e nós ficamos confusos. Mas é esse sentimento que nós faz continuar vivendo ♥

- Saudades sempre Priick

CooKie disse...

noossao coração sofre demais...

/carla disse...

É tão difícil ser quem realmente é ultimamente, "Manter tudo escondido: a melhor opção."
Infelizmente, é o que estou vivendo :\

«╬♥ LADy M«╬♥ disse...

adoreii seu blog .. vou segui-lo passa la no meu tb bjs..

Peyton Treborn disse...

coração eh burrinho neeh... adora sofrer hehhee

Luh* disse...

s vezes nos sentimos tão confusa, e nos perdemos em tudo, queremos ser quem eramos e tal! é complicado!
beijos